15 janeiro 2007

MARTIN LUTHER KING

Martin Luther King Jr., 1968.

MARTIN LUTHER KING nasceu em 15 de Janeiro de 1929, em Atlanta, na Georgia, EUA.

OBRIGADO LUTHER KING.
Um dia a Justiça correrá como água e a retidão como um caudaloso rio. Nesse dia não haverá mais pessoas oprimidas.
Tenho saudades do futuro...

3 Comments:

Blogger CÁ FICO said...

não se confunda a posição de Martin king com a de Malcolm X..
este último mentor ideológico do BLACk POWER era um racista empedernido com as ideias extremistas dos musslim (mussulmanos extremistas)... Martim era protestante, de ideários cristãos e moderados..não era um radical "I have a dream..." sua mais celebre frase diz tud.. era um sonhador e sabia que o era.. O seu movimento pela igualdade racial era o oposto do lack Power que era pelo confronto e pela luta social por meios violêntos... Martin ao contrário era um pacifista... e quem o matou matou-o porque eleera um politico com potencial...coisa que Malcolm nunca o seria... M and M tão diferentes embora ambos de cor de pele castanho escuro...( não eram negros pois não existem nem negros nem brancos nem amarelos)

16 janeiro, 2007 10:58  
Blogger rouxinol de Bernardim said...

Às vezes também sonho que um dia... lá para as calendas... isso suceda. O que vemos amiúde (muito embora haja muitas e honrosas excepções...) é que alguns agentes da justiça são cúmplices das malfeitorias, são aliados (por acção e/ou omissão) dos delinquentes, são, ipso facto, geradores de injustiça...

Não falo de racismo, falo de nepotismo, de ocultação de dados, de violações de segredo de justiça para uns e ocultação de dados que deveriam ser transparentes e públicos, mas não o são, para outros.

Este país está sob suspeita. Não é só Ana Gomes que o diz lá fora no PE. É o próprio presidente da AR (o então João Bosco Mota Amaral, há bem pouco tempo...) que as comissões parlamentares de inquérito não servem para nada!!!

E as assembleias municipais servem para alguma coisa?!!!
Às vezes (nem sempre, sejamos justos), não passam de bacocas caixas de ressonância do poder instalado, de reles correias de transmissão dos ditames de sobas enquistados no poder como tumores malignos, de seitas de jagunços ao serviço de uma corja imunda que sorve ferozmente o leite da chamada porca da política!...

Ai Eça, como fazes falta, com a tua bengala, o teu sarcasmo, a tua saudável sátira aos costumes. As "vinhas da ira" estão aí. Só não vê quem não quer ver!....

Ai Luther King como és tão actual!
Até o "racismo partidário" campeia neste jardim à beira-mar plantado!... Já fui militante "laranja" durante mais de uma década e sei do que falo!...

16 janeiro, 2007 11:18  
Anonymous Anónimo said...

novo blog com coragem de enfrentar todos os que nos rodem assim e que deve ser, acabar com a corrupçao visto que ninguem tem grande coragem
aqui fica o link


http://democraciaemportugal.blogspot.com/

19 janeiro, 2007 20:27  

Enviar um comentário

<< Home