01 novembro 2007

O QUE DIZ MÓNICA


Na edição de hoje do jornal Público, Maria Filomena Mónica vem em defesa dos professores, nos últimos tempos tão maltratados.
Vale a pena ler "Deixem os professores em paz".

Há, porém, um senão (?): se o seu artigo de opinião fosse publicado por estas bandas, talvez a Escritora e Investigadora, treinada na Língua Portuguesa, pudesse “apanhar com um processo em tribunal”.
É que a páginas tantas afirma: “ (…) Finalmente, a aparição, no dia 8 de Outubro, de polícias à civil na sede do sindicato na Covilhã, de onde levaram documentos relativos a uma anunciada manifestação contra o engenheiro Sócrates é inadmissível. Só um país apático aceita as conclusões idiotas que, após um chamado "inquérito", o Governo tornou públicas.”
A seguir, retoma o tema central do artigo afirmando:
Deixo de lado as paranóias do primeiro-ministro para me centrar no tema deste artigo. Para além de terem de leccionar programas imbecis, de passarem a vida a girar de uma escola para outra, de serem sujeitos a avaliações surrealistas, os professores são obrigados a aturar alunos malcriados.”
(o sublinhado é meu)

Ora, se na opinião de Filomena Mónica, as conclusões do tal inquérito são idiotas, será legítimo concluir-se que ela está a chamar idiota aos Inquiridores e, já agora, ao Governo, que as subscreveu quando as publicou?
E será Sócrates um paranóico, porque Filomena considera que, neste caso, foi uma paranóia ter tornado público as conclusões idiotas de um inquérito?
É bem provável que, à luz de um pensamento primário, provinciano e pacóvio, se possam tirar tais conclusões. Mas, eu duvido que um linguista possa subscrever tal interpretação!
Se esta manhã, Sócrates acordou bem-disposto (coisa que - como esclareceu em audiência pública o outro - não terá acontecido ao Presidente da Câmara na manhã do centésimo sexagésimo nono dia após a publicação do tal artigo que também usou a palavra idiota…)… Se o Primeiro-Ministro sorriu e disse para consigo “Lá está a Mónica outra vez!”, e não lhe apetecer apresentar queixa ao MP, nada nos diz que, mesmo assim, não surja um especialista da experiência poveira a despachar o assunto para o tribunal. É que um tal uso da palavra idiota, agora pela Professora Universitária, começa a fazer escola em Portugal e o culpado é certamente Silva Garcia que teve a ousadia de o fazer em 2004.

11 Comments:

Anonymous Manuel Navarra (Porto) said...

Arqto. esta veio mesmo a calhar!
O advogado L da Cunha que leve este blog para ajudar o Macedo no tribunal... a confirmar toda esta tontice.

01 novembro, 2007 18:39  
Blogger Manuel CD Figueiredo said...

Li esta manhã a crónica em questão e, para além da essência do texto (do qual até podemos discordar, no todo ou em parte), retirei dele mais um "idiota", um "imbecil" e um "paranóico", qualificativos que ultimamente tenho registado na imprensa nacional de referência, e respeitando a pessoas importantes (pelos cargos ou funções que exercem).
A crónica da PROFESSORA DOUTORA Filomena Mónica, Socióloga, é descrita sem rodeios e em bom português. Sabendo-se interpretar o seu texto, NÃO ACREDITO que haja alguém que se queixe por se sentir ofendido ou difamado. Até mesmo o Primeiro-Ministro!

01 novembro, 2007 18:53  
Blogger CÁ FICO said...

http://www.juizespelacidadania.eu/
A revogação da norma do Código Penal [artigo 30 nº3] que aplica o regime do crime continuado aos ilícitos eminentemente pessoais [abuso sexual, por exemplo], quando esteja em causa a mesma vítima, é uma das medidas reivindicadas pela AJpC.
O artigo tem sido alvo de duras críticas por permitir que a violação reiterada de um mesmo menor seja contabilizada como um único crime continuado, facto que já levou vários juristas a admitirem que se trata de uma norma criada a pensar nos interesses dos arguidos do processo Casa Pia.
A clarificação da responsabilidade penal das pessoas colectivas que, ao abrigo da nova A clarificação da responsabilidade penal das pessoas colectivas que, ao abrigo da nova lei podem até responder pela violação de um menor, é outra prioridade destes magistrados.

SILVA GARCIA..
Claro que foi uma idiotice fazer-se publicar o Código Penal e o Processo Penal para entrar em vigor em 15 dias tendo em conta que ainda não estava convenientemente burilado...Isto nenhum Juiz o pode negar e mesmo os seus autores materiais já o confirmaram e reconheceram na prática que o foi... atitudes idiotas todos nos as temos...Basta olhar-mo-nos de manha quando fazemos a barba ao espelho e dizemos para connosco: és um idiota...ou outras coisas bem piores como estupido e parvo, etc. etc...pensar assime diz~e-lo de nós ou dos outros não é forçosamente calunioso ou insultuoso..Tanto mais quanto é até verdadeira a nossa idiotice...

01 novembro, 2007 19:04  
Anonymous Kalimero said...

O que Silva Garcia se esqueceu de aqui acrescentar, neste festival de auto-vitimização em que se vem especializando nos últimos tempos, é que Maria Filomena Mónica, se tivesse de justificar em tribunal o eventual delito, jamais diria que também costumava chamar «idiota» a António Barreto...

01 novembro, 2007 21:53  
Blogger rouxinol de Bernardim said...

Caro idiota, perdão, caro arquitecto:

Será que uma justiça idiota, perdão, uma justiça isenta e corajosa, irá dar guarida a um processo que não não visa senão a intimidação pura e simples de um adversário íntegro, corajoso e sem
medo de dizer a verdade?

Será que haverá alguém com o mínimo de BOM SENSO que seja capaz de condenar este tipo de linguagem, perfeitamente razoável e enquadrada no quotidiano (quer da imprensa quer do comum dos cidadãos)? Só um tolo achará dolo...

NOTA: Usei o termo "Idiota" e enfiei-o qual carapuça na cabeça de um cacique. Será que por uma paranóia qualquer alguém o irá enfiar na sua própria caixa craneana?!

Observe o meu post: «Corrupção e perfumes similares...»

02 novembro, 2007 08:30  
Anonymous Pedro Silva said...

Mas diria concerteza que um cobarde que se assina como Kalimero é mesmo um perfeito IDIOTA!

02 novembro, 2007 15:32  
Anonymous Alemão said...

Kalimero, sejas quem fores, és antes de mais, mais um dos cobardolas que atira a pedra e te escondes!
Por isso não tens qualquer credebilidade!
De qualquer forma, ainda não perceberam que essa de chamar idiota à mulher é tudo uma canalhice do Karl Marx Queirós?
Kalimero, onde estavas no dia do julgamento? O que é que foi lá dito de facto? Olha, segundo quem lá esteve e me contou e eu acredito: tudo isto não passa de uma cabala contra o garcia!!!
E o Diabo Vermelho a ajudar... Também ele me tramou. Tive que sair do país para sobreviver.
O Tiaguinho agora lambe-lhe as botas, mas quando menos contar também terá uma facada nas costas. E a Vara, que ja andou por lá e sabe bem o que ele lhe fez, porque raio lhe apara o jogo?

Kalimero, ou Diabo Vermelho, ou o que quer que sejas, já te esqueceste do teu amigo que está na Alemanha e que tu lixaste???
Eu não me esqueci!

Li algures que é melhor calares-te e deixar que as pessoas pensem que és um idiota do que falares e acabares com a dúvida.

02 novembro, 2007 15:45  
Anonymous Kalimero da Silva said...

show details 6:28 pm (4 hours ago)

O aqui idolatrado Garcia mostra mais uma vez que não é muito de jogar limpo: 1) quando não lhe apetece, porque não serão suficientemente laudatórios, não publica os comentários que recebe; 2) quando os publica, é porque já contratou uns quantos jagunços apostados em arrear porrada nos comentaristas que ousam pôr em causa a sua sagrada verdade. Agora até conseguiu inventar um qualquer artolas que se queixa de estar exilado na Alemanha por causa do Luís Filipe Vieira... Valha-nos Deus! ESTE pelo menos não consta que chamasse «idiota» à mulher!!!

Na realidade o que este Kalimero da Silva (para ficar ao nível dos artolas que aqui antes se insurgiram contra o meu comentário "anónimo" só porque assinam CORAJOSAMENTE com o nome todo) apenas colocou aqui à consideração foi simplesmente a ideia de que Silva Garcia se arroga de uma grande probidade e eloquência mas, na hora da verdade, soçobrou e PÔS-SE A ATIRAR TIROS PARA A COZINHA! É apenas essa a mensagem que aqui quis deixar e que não perde o sentido por mais despeitados e descabelados quesejam os contra-comentáros dos habituais esbirros do blogue. Nesta questão da gestão dos comentários, entre os que interessam e os que não interessam, qualquer que seja o que escrevam, até se poderá acrescentar com toda a propriedade que o CA70 tem sido um perfeito exemplo de caciquismo blogosférico!!!

02 novembro, 2007 23:21  
Anonymous cadeira do poder said...

Deixem a Justiça trabalhar, que perante TODOS os factos sabe ser, efectivamente, justa.

03 novembro, 2007 00:53  
Anonymous cheiodeduvidas said...

Meus senhores respeitinho. Se um idiota fosse eleito era um desprestigio para o proprio povo mas sabemos que não é embora as vezes pareça. O tribunal vai decidir e vai decidir bem. Garcia é culpado porque os termos são injuriosos e teve a intenção de ofender o nosso presidente. Pode recorrer que não serve de nada. Esta juiza é seria e nao anda a reboque de ninguem. O nosso presidente tem as sondagens ao lado dele o que o mesmo e dizer o povo poveiro o bom povo desta terra.

03 novembro, 2007 11:31  
Anonymous Anónimo said...

Energúmeno, tão simples quanto isto, e o tribunal da relação do Porto decidiu assim,inocente a um jornalista que chamou energúmeno ao presidente da Camara do Porto.
O caso "Idiota" vai acabar da mesma maneira, com a alteração que entretanto vão aparecer outros processos movidos por outras pessoas a esses energúmenos que sâo o macedo e o aires e a lapa do diamantino.
Mais outro ponto, o jornal 24 horas foi ilibado também em 2 processos parecidos, porque só falaram a verdade, assim determinou o tribunal.
Contas feitas os energúmenos desta terra estão lixados, vai acabar a mama, os favores e a triste sina de existirem lambe botas desesperados, a população já sabe como rebentam pelas costuras as riquezas de uma noite, e não falo do assalto à Câmara, pelo menos do ultimo. Metam o dourado a testemunha do que quizerem, que ele é pessoa para testemunhar isso e o que um dia vai responder em tribunal acerca de outras contas, a denuncia já seguiu para a PJ, por isso dourado, aires, macedo e diamantino, comecem a treinar apanhar sabonetes do chão que vai ser o vosso passatempo durante uns anos.

03 novembro, 2007 20:01  

Enviar um comentário

<< Home